Aprenda como escolher fruto do mar

Aprenda como escolher fruto do mar

Conheça algumas dicas que vão ajudá-lo a escolher frutos do mar frescos e saborosos

Os frutos do mar são um verdadeiro sucesso na mesa dos brasileiros, sendo essenciais para a elaboração de inúmeras receitas. Mas, para garantir pratos saborosos, é importante escolher ingredientes frescos e bons, não é mesmo? 

Tendo isso em mente, você sabe como escolher frutos do mar? 

A fim de ajudá-lo a consumir somente alimentos frescos e saborosos, neste artigo listaremos algumas dicas importantes que vão ajudar bastante na hora da escolha dos frutos do mar. 

Lagostins

Os lagostins são frutos do mar muito populares e que têm ganhado mais espaço na culinária brasileira. Afinal, estamos falando de um pequeno crustáceo conhecido por ser uma opção saborosa, nutritiva e que combina com diversos pratos.

Aprenda como escolher fruto do mar

Mas, para garantir uma refeição fresca e gostosa, é fundamental saber como escolher esse fruto do mar. 

Portanto, a dica é, na hora da compra, prefira os exemplares que foram congelados pelo método seco. Também verifique se há sinais de decomposição como manchas escuras na cabeça ou corpo.

Por fim, observe se as antenas e membros estão nos lugares corretos, pois esse é um sinal de que o crustáceo está fresco. 

Lulas e polvos

As lulas também estão entre os frutos do mar mais consumidos no Brasil, especialmente por existir uma série de receitas sofisticadas elaboradas com esse tipo de carne.

Todavia, a escolha da lula nem sempre é uma decisão fácil e simples.

Para evitar erros, opte por comprar lula fresca e ainda com pele. Dê preferência para as lulas menores, ou seja, com comprimento entre 10 até 15cm, não considerando os tentáculos. 

Isso porque as peças menores são mais saborosas e fáceis de cozinhar. Outros aspectos para analisar são os olhos que não devem ser opacos, o cheiro que não deve ser forte e o corpo liso.

Já o polvo é um fruto do mar cuja carne pode ser aproveitada em várias receitas. Para comprar um exemplar fresco e delicioso é preciso ficar atento a vários detalhes. 

Normalmente, a carne desse fruto do mar é macia, elástica ao toque e brilhante. A tonalidade da pele é castanha avermelhada e os olhos transparentes. Qualquer aparência que fuja disso pode significar que o animal não está tão fresco. 

No que se refere ao peso, os polvos com 3 kg são uns dos mais saborosos e valiosos do mercado. Mas, aqueles com peso menor que esse também são ideais para alguns pratos.

Peixes

Apesar de não ser um fruto do mar propriamente dito, mas, sim, um pescado, os peixes são alimentos muito populares entre os fãs desse tipo de culinária. 

Saiba, então, que peixes em bom estado devem ter olhos salientes e bem brilhantes, as escamas devem sempre estar bem aderidas à pele. 

Já as brânquias são sempre avermelhadas, com tons de rosa ou vinho escuro, ao passo que o odor do peixe deve ser característico, porém suave, sem ser desagradável.

Mexilhões

Os mexilhões são ingredientes de massas, ensopados e risotos. Tenha em mente que não há segredos sobre como escolher esse fruto do mar, pois os mexilhões são vendidos inteiros, com uma metade concha e em filés.

Lembre-se de dar preferência para aqueles em conchas fechadas e sem nenhum tipo de dano. Na hora de preparar os mexilhões, você deve limpá-los por dentro e por fora com água corrente, para eliminar algas e outros componentes.

Gostou de aprender como escolher frutos do mar? Para ler mais conteúdo como este, acompanhe o blog da Marettimo e veja mais novidades!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *