Guia frutos do mar: motivos para comer salmão

Guia frutos do mar: motivos para comer salmão

Saiba quais são os benefícios de comer salmão; conheça uma receita especial para experimentar

Há uma série de peixes à disposição no mercado e em restaurantes, desde tilapias até badejos. Ou seja, opções é que não faltam. Neste guia frutos do mar, porém, falaremos mais sobre uma espécie em especial, trata-se do salmão. 

O salmão é um dos peixes mais sofisticados do mercado, reconhecido pelo sabor marcante, cor avermelhada e consistência firme. Boa parte da valorização dessa espécie está associada também ao fato de que é um animal disponível para consumo sazonal, o que dificulta sua pesca por todo o ano – falando especificamente sobre o salmão selvagem.. 

Entretanto, com a crescente demanda de salmão em todo o mundo, o cultivo em cativeiro se tornou uma opção importante, como forma de manter a espécie disponível para consumo em diferentes épocas do ano.

O salmão é considerado bastante versátil, pois pode ser consumido cru, grelhado ou cozido, variando bastante de acordo com a receita. 

Benefícios do consumo do salmão

O salmão, assim como inúmeros outros peixes, é um animal que oferece diversos benefícios, sendo um dos principais a presença do ômega 3. 

O salmão é uma espécie que se destaca quando falamos de ômega 3, já que contém ácidos graxos poli-insaturados dos tipos EPA (ácido eicosapentaenoico) e DHA (ácido docosa-hexaenoico).

Guia frutos do mar: motivos para comer salmão

Para termos ideia, uma porção de 100 gramas de salmão contém cerca de 2,3 gramas de ácidos graxos ômega-3 de cadeia longa, uma quantidade significativa e boa para a saúde humana. 

Entre os benefícios associados ao consumo do ômega 3, podemos destacar o bom funcionamento e manutenção do cérebro, do coração e do sistema nervoso.

Além do ômega 3, o salmão é uma espécie que possui alta quantidade de vitamina B, cujos benefícios estão associados à redução das inflamações que podem desencadear doenças cardíacas e à capacidade de transformar nossos alimentos em energia. 

No salmão, podemos encontrar vitamina B1 (tiamina), B2 (riboflavina), B3 (niacina), B5 (ácido pantoténico), B6, B9 (ácido fólico) e B12.

É sempre importante ressaltar ainda que o salmão é uma rica fonte de proteína, um componente muito importante para o corpo humano. 

Afinal, a proteína atua no sistema nervoso e mantém a saúde dos músculos, principalmente quando perdemos massa por conta do processo de envelhecimento ou emagrecimento. Esse nutriente também é capaz de aumentar os anticorpos, atuando também na manutenção da saúde dos ossos e auxiliando na beleza dos cabelos e da pele.

Por fim, o salmão é também uma fonte de selênio, um mineral encontrado no solo e em certos alimentos. Tal nutriente é tido como um mineral de traço, o corpo só precisa de pequenas quantidades dele. Como característica, ele ajuda a proteger a saúde óssea, diminui os anticorpos da tireóide em pessoas com doença autoimune da tireoide, e pode reduzir até mesmo o risco de câncer.

Sugestão de prato à base de salmão

Agora que conhece os benefícios do salmão, sem dúvida é importante neste momento dar o próximo passo, que é consumi-lo, não é mesmo?

Entre inúmeras receitas disponíveis com esse peixe, recomendamos um prato especial: salmão ao molho de ervas. 

Essa receita é servida com filé de salmão grelhado ao molho de ervas, acompanhado de purê de batata e creme de espinafre. 

Lembre-se: esse e outros pratos podem ser consumidos na Marettimo, restaurante especializado em frutos do mar e pescados. 

Gostou do artigo? Então, acompanhe o blog da Marettimo para ler mais conteúdo como este. Até a próxima! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *